Menopausa e a Pele

Menopausa e a Pele

As mulheres estão chegando na fase da menopausa com muito vigor, saúde e com a autoestima elevada. Porém as alterações hormonais naturais desta fase exercem alguns efeitos na saúde e beleza da pele, cabelos e unhas.

A pele fica mais fina, menos elástica e com tendência ao ressecamento. Por isso os produtos aplicados devem ser direcionados para essas novas características. Os lasers e tecnologias usadas no rejuvenescimento podem ser utilizados para melhorar a espessura e firmeza.

Os cabelos e unhas também sofrem algumas mudanças com a menopausa. Ficam mais quebradiços e finos. Podem surgir pelos finos em locais indesejados como na face. Existem suplementos orais e cuidados tópicos para reverter esses quadros.

Mas cuidado, só entregue a sua saúde nas mãos do profissional habilitado e certificado para te ajudar nesta fase da vida.
Não acredite em “fórmulas milagrosas com um pouquinho de hormônio“!!!

Procure seu ginecologista e o seu dermatologista!

Dra Luciana Rodrigues Lisboa Faucz
Dermatologista
CRM: 24150 | RQE: 14947
| Consultório Particular |

Gravidez e as Mudanças na Pele

Gravidez e as Mudanças na Pele

O que muda na pele durante a gestação?

Durante as 40 semanas de gestação ocorrem muitas mudanças no corpo e também na pele da futura mamãe:
⁃ A tendência ao surgimento do melasma, mancha tão temida que pode ser influenciado pelos hormônios, deve ser evitada com o uso criterioso do filtro com fator elevado. Neste período alguns despigmentantes são contra indicados, porém o uso de vitamina C e outros antioxidantes deve ser feito
⁃ Surgimento de pintas escuras ou alterações das pintas antigas. O dermatologista deve acompanhar essas alterações de perto porque o melanoma pode ocorrer durante a gestação.
⁃ Escurecimento da pele da aréola e da mucosa vulvar. Geralmente clareiam após o parto
⁃ Surgimento da linha nigra. É o escurecimento da linha media do abdome. Pode persistir por alguns meses após o parto, mas involui sem tratamentos.
⁃ Piora ou início de lesões de acne. Os hormônios da gestação podem desencadear a acne. O tratamento é diferente da acne comum do adolescente.
Somente o dermatologista pode prescrever os produtos adequados sem prejudicar o bebê.

Aproveite esta fase, ela é preciosa e passa muito rápido!!!

Acne

Acne

A acne é uma alteração inflamatória da pele que pode acometer homens e mulheres ocorrendo principalmente após a puberdade, porém pode acometer também os adultos, especialmente as mulheres. Durante a adolescência a acne ocorre devido à produção dos andrógenos e estrógenos. Estes hormônios influenciam nas mudanças no corpo características da adolescência assim como na produção de sebo pelas glândulas sebáceas.

A hiperprodução de sebo levando ao aumento da oleosidade da pele, associado a outros fatores como alterações na flora bacteriana irão promover a formação das lesões da acne que podem ocorrer na face e também no tórax e costas. A história familiar é extremamente importante pois adolescentes cujos pais tiveram acne moderada a grave têm maiores chances de desenvolverem as formas mais graves.

A acne que surge após os 25 anos nas mulheres é chamada acne da mulher adulta e geralmente está associada à disfunções hormonais que devem ser pesquisadas. Nestes casos o local mais acometido é a face na região da mandíbula e também pescoço.

O tratamento da acne deve ser feito o mais precoce possível pois as lesões de acne podem ser desfigurantes e trazer transtornos psicológicos como baixa auto estima e depressao, levando a dificuldades de relacionamento. Além disso as lesões de acne podem deixar cicatrizes que poderão permanecer definitivamente na pele levando também à insatisfação com a auto imagem.

É mandatório mudar a cultura de que a acne é algo pontual da adolescência é que nada deve ser feito. Esta é uma fase extremamente importante e é um período de extrema instabilidade de personalidade e insegurança com a auto estima. Privar um adolescente do tratamento da acne é expo-lo á possibilidade de alterações na personalidade que o mesmo irá carregar por toda a vida.

Os tratamentos são inúmeros e depende da gravidade de cada caso. Existem excelentes produtos tópicos para uso em casa, os peelings feitos em consultorio são muito úteis nas lesões inflamatórias, os lasers auxiliam tanto na acne inflamatória como nas cicatrizes. O tratamento oral deve ser iniciado precocemente se o quadro está evoluindo para piora clínica ou levando à formação de cicatrizes.

O mais importante é manter o controle da acne para não marcar a pele com cicatrizes que o paciente irá levar para o resto da vida!

ACNE

ACNE

A acne é uma alteração inflamatória da pele que pode acometer homens e mulheres ocorrendo principalmente após a puberdade …

SAIBA MAIS

Acne

Acne

A pele com acne precisa de cuidados redobrados durante o verão, pois  ao contrário do que muita gente acredita, o sol não seca as  espinhas. Se a pele for exposta ao sol em excesso as espinhas poderão  piorar e ficarem mais inflamadas. O tratamento não precisa,  e nem  deve ser interrompido durante o verão, porém alguns cuidados precisam ser tomados se os medicamentos contiverem ácidos.

Atenção especial também deve ser dada aos filtros solares pois alguns podem até piorar as espinhas pela obstrução dos poros em caso de filtros muito pesados. Portanto o protetor usado na praia deverá ser indicado pelo dermatologista que usará aquele que será melhor para a pele acneica.