08.04 – Dia Mundial do Combate ao Câncer

08.04 – Dia Mundial do Combate ao Câncer

O câncer de pele é o tipo de câncer de maior prevalência no Brasil. Acomete mais frequentemente pessoas de pele e olhos claros, além de cabelos loiros e ruivos, por isso a região Sul é a que tem os maiores índices de câncer de pele no Brasil. Além disso, o histórico de queimaduras com bolhas na infância, além de familiares com passado de câncer de pele também são fatores predisponentes à este câncer.

A radiação ultravioleta B (UVB) tem o seu pico entre 10 e 16 horas e este é o horário em que se deve evitar o excesso de exposição solar. Porém, o que muitas pessoas não sabem, é que a radiação ultravioleta A (UVA) tem sua ação constante durante todo o dia, do momento em que o sol nasce até o sol se por. A UVA é a radiação responsável principalmente pelo envelhecimento da pele por atingir camadas mais profundas, destruindo alguns componentes de firmeza da pele como fibras colágenas e elásticas.

O uso adequado do protetor solar significa aplicar pela manhã e repassar ao meio dia e usar um FPS (fator de proteção solar) no mínimo 30 em quantidades adequadas. Em condições de maior exposição como praia ou piscina o uso deve ser a cada 2 horas ou após mergulhos e as peles mais claras precisam de um fator maior como o FPS 50.

Mas existe um conjunto de medidas de proteção solar, o protetor solar é apenas uma delas!

Os chapéus de abas largas (os bonés deixam parte do rosto exposta), óculos escuros para proteger a pele das pálpebras e os olhos contra cataratas, roupas adequadas e buscar a sombra. Estas medidas irão proteger a pele contra o câncer.

São essas pequenas atitudes que poderão  evitar uma cirurgia, as vezes mutilante,  ou até mesmo salvar uma vida!

Como você quer envelhecer?

Como você quer envelhecer?

A decisão é, felizmente, totalmente de cada um.

É possível cruzar nas ruas com rostos assustadores, verdadeiras caricaturas. A evolução das tecnologias e métodos para postergar o aspecto envelhecido da face e corpo tem dado às pessoas a liberdade de usá-los em seu favor. Mas cuidado, é muito fácil ceder às tentações de tantas “promessas de juventude eterna”. Juventude eterna não existe!!!!!

Todos iremos envelhecer, ou morremos jovens… não tem outra saída

O bem envelhecer é muito diferente do transformar o seu rosto (e corpo) em algo não real. Utilizar as tecnologias em favor do bem envelhecer é entender que cada idade tem a SUA beleza. É possível postergar o envelhecimento, porém é impossível congelar o rosto em uma determinada idade. Olhar-se no espelho e se gostar é algo importantíssimo na maturidade. Com tantos problemas hormonais, e alguns problemas de saúde que surgem com o envelhecimento, é preciso cuidar da autoestima.

 Existem inúmeras opções de tratamentos para cuidar da pele, contorno facial e até flacidez da musculatura da face e pescoço. 

Confie no seu médico, não perca o bom senso e acima de tudo, SE AME!!!!

Bronzeamento Artificial

Bronzeamento Artificial

Em  11 /11/2009 a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu a utilização com finalidades estéticas das câmaras de bronzeamento artificial (resolução n° 641/2009). Baseado em dados da OMS (Organização Mundial de Saúde) que afirma que a radiação ultravioleta tem potencial carcinogênico, ou seja a exposição às lâmpadas contidas nas câmaras podem causar câncer da pele. Há muito tempo os dermatologistas vêm alertando os pacientes com relação à gravidade da exposição às lâmpadas de bronzeamento artificial.
A radiação ultravioleta emitida pelas máquinas é a UVA- ultravioleta A, que apresenta uma penetração mais profunda na pele
provocando além do envelhecimento precoce, alteração no DNA da célula aumentando o risco de desenvolver câncer de pele. A exposição por 10 minutos nas máquinas de bronzeamento equivalem à aproximadamente 1  hora sob o sol sem qualquer proteção. Em pessoas com menos de 30 anos  o bronzeamento artificial aumenta em até 75% o risco de desenvolver o  melanoma, câncer de pele de altíssima gravidade com potencial para  metástases.
Envelhecimento das Mãos

Envelhecimento das Mãos

Pessoas de pele clara ou descendentes de orientais têm uma tendência maior de desenvolver um envelhecimento precoce das mãos. Podem surgir manchas escuras em número variado chamadas melanoses solares, aspecto enrugado com afinamento da pele e acentuação dos vasos sanguíneos. Lesões vinhosas decorrentes de mínimos e às vezes imperceptíveis traumas chamadas púrpuras senis de Batteman também podem ocorrer. A principal maneira de prevenir o envelhecimento precoce da pele das mãos é a proteção solar principalmente nas pessoas que trabalham em ambientes externos ou dirigem por várias horas durante o dia. Em casos selecionados indica-se o uso de luvas protetoras, especialmente as que têm filtro solar incorporado ao tecido.

Atualmente existem algumas técnicas de rejuvenescimento das mãos:

• Para as melanoses solares (manchas escuras) pode-se usar o Laser ou a Luz intensa pulsada com o objetivo de atingir a camada mais superficial da pele onde se encontram essas manchas. Os peelings químicos também podem ser usados em alguns casos selecionados.

•  Em casos onde há perda de densidade da pele com aspecto enrugado e “transparente”  pode-se fazer preenchimentos com substâncias como  o ácido hialurônico, o ácido poli-L-láctico  (Sculptra) e ainda a  gordura autóloga ou seja, da própria pessoa.

Não podemos esquecer que o cuidado com as mãos é tão importante quanto o cuidado com o rosto.

Portanto invista nelas!